20/09/2012

Dica de Filme - A casa da Colina

Título Original - House on Haunted Hill.

Lançamento - 1999.

Diretor - Wilian Malone.

Nacionalidade - EUA.

Produtora - Dark Castle Entertainment.

Elenco - Geoffrey Rush, Famke Janssen, Taye Diggs, Ali Larter e Jeffrey Combs.

Sinopse: 
Famoso empresário do ramo de parques temáticos, Stephen Price (Geoffrey Rush) resolve fazer uma surpresa sua mulher (Famke Janssen) e marca uma festa de aniversário numa casa abandonada há décadas. Entretanto, o que ele não sabe que o local foi sede do Instituto de Psiquiatria para Criminosos de Vannacutt, sede de experiências que incluíam tortura e morte.

Então meus queridos Atormentados, hoje iremos ao cinema...Ou quase isso. Pois bem, A Casa da colina, não chega a ser um filme que bota medo em pessoas acostumadas a filmes de terror, em alguns momentos o expectador mais experiente vai até achar algumas partes ridículas, como por exemplo a morte da moça jornalista "celebridade", é sofrível ver essa moça nesse elenco. Bem, vocês deve estar se perguntando "Por que diabos você está falando desse filme então?". Respondo...Apesar dos pesares, esse filme tem seus méritos, como por exemplo as atuações de Famke Janssen e Taye Diggs, que por elas receberam indicação ao Blockbuster. Outro fato que vale mencionar é que esse é o primeiro filme da produtora Dark Castle Entertaiment, que posteriormente produziria "13 Fantasmas" e "A casa de cera". Essa produtora baseou seus primeiros esforços em remakes. Casa da Colina é um remake do filme "A casa dos maus espíritos" de 1958. 

Então vamos ao filme...A casa da colina, que ambienta o filme, é na verdade um hospício desativado, o local era administrado pelo Dr. Richard Vanacult, que realizava cruéis experiências com os internos. Certa noite os internos resolvem dar uma lição no médico, e na sua sádica equipe. É minha gente o pau come solto...Os pacientes botam fogo no local, então nosso amado médico aciona uma espécie de sistema de segurança, que "sela" todas as saídas da casa,  resultado, churrasco humano. Dessa tragédia, apenas alguns funcionários sobrevivem. Tudo isso rolou em 1939, então o filme corta para os dias atuais, onde Evelyn (Famke Janssen), a perua mimada esposa do maluco Steven Price (Geoffrey Rush), dono de parques de diversão, com temática de terror. Pois bem, ambos se odeiam, e Evelyn resolve que quer sua festa de aniversário no antigo hospício, original não? Ela envia ao marido a lista de convidados, mas ele resolve mudar a lista, convidando pessoas do seu interesse. E o povo se dirige a casa, chegando lá nem Steven nem Evelyn conhecem as pessoas que receberam os convites. E a diversão começa...Price oferece um jogo, onde todos que terminarem a noite "vivos" sai do lugar com um cheque de 1 milhão de dólares. E claro se restar apenas uma pessoa, essa leva todo o dinheiro sozinha. Até aí ninguém parece ligar para as histórias de assombração do lugar, e a porra fica séria quando do nada, o sistema de segurança da casa começa a fechar. O povo trancado, com os tais cheques, e os fantasmas começam a brincar com o povo. O resto, é apenas o povo correndo de um lado ao outro, querendo sair do lugar, e quando as mortes começam a acontecer, fica aquela dúvida...Será que é algum deles que está matando os outros para ficar com toda a grana?

A Casa da Colina, é um filme divertido até, cheio de clichês, alguns bons, outro nem tanto, os efeitos são legais para a época, essa era a proposta da Dark Castle, reproduzir antigos clássicos com bons efeitos, o problema é que eles deixaram de lado o roteiro, esse poderia ser melhor explorado. Por exemplo, no filme original, o suspense a respeito de quem está por trás das mortes se prolonga até o final do filme, onde descobrimos que não eram as pessoas que estavam se matando, e sim os fantasmas aprisionados no local. Na versão da Dark Castle, logo fica na cara que o "vilão" é o sobrenatural. Mas como aproveitar efeitos especiais se os fantasmas aparecem apenas no fim do filme?

Recomendo A Casa da Colina, apesar de tudo é um filme bacana, belas imagens, um bom elenco, uma trilha sonora com direito a Marilyn Manson...Um roteiro bacana, apesar de pouco explorado. Um filme muito bom para assistir em uma turma, sem compromisso. 






Assista o Trailer abaixo:


Clip do Marilyn Manson:


0 Comentários
Comentários
Nenhum comentário :

Página do Facebook

Publicidade 1

Noite Sinistra no YouTube

Postagem em destaque

O misterioso perfil do Facebook de Karin Catherine Waldegrave