31/03/2013

A lenda do cabeça de cebola


Não meus amigos e amigas, essa postagem não tem nada haver com apelidos da época do colégio, apesar de eu ter tido amigos, cujos apelidos, eram tão ou mais bizarros do que cabeça de cebola.

Em Louisiana essa lenda é muito levada a serio. Ela fala de um homem, com cabeça deformada, que assombra um cemitério.

A lenda do Cabeça de Cebola começa 60 anos atrás, na pequena cidade de Slidell, Louisiana. Havia um homem enorme, com uma cara grotesca, que percorria as florestas. Ele viveu lá em um barraco com a mãe e raramente saia de sua casa.

Ele estava desfigurado por uma doença da infância, que deformou sua cabeça. Os moradores locais apelidaram ele cruelmente de "Onion head" ( Cabeça de Cebola). Para escapar de suas provocações, ele ficou na floresta com sua mãe e evitava ao máximo se aventurar na cidade.

Um dia, uma jovem foi encontrada morta na floresta. A população local deduziu que Cabeça de Cebola era o autor do crime. Antes que a polícia tivesse a chance de investigar, os moradores formaram uma multidão e adentraram a mata, para capturar Cabeça de Cebola em seu barraco.

Quando ele viu a multidão enfurecida se aproximando, Cabeça de Cebola fugiu da cabana. Sua mãe tentou argumentar com as pessoas da cidade, mas foi inútil. Ela lhes disse que iria colocar uma maldição sobre qualquer pessoa que prejudicou seu filho desfigurado.

A multidão que caçava Cabeça de Cebola o encontrou escondido em uma vala. Cheios de raiva, o mataram e desmembraram seu corpo. Cortaram-lhe em treze pedaços e sepultaram no cemitério.

Na manhã seguinte, a polícia capturou o verdadeiro assassino. Era um andarilho que passava pela cidade. O povo da cidade percebeu que tinham culpado um homem inocente.

Conforme o tempo passava, aconteciam uma série de terríveis assassinatos na cidade. Todas as vítimas desses crimes tinham algo em comum, cada uma delas tinha sido parte da multidão que matou Cabeça de Cebola. Em cada cena do crime, o assassino não identificado havia rabiscado uma mensagem.

Dizia: "Se você esteve lá, eu vou matar você também".

A mensagem foi assinada "OnionHead" (Cabeça de Cebola).

Segundo a lenda, Cabeça de Cebola agora vaga pelo cemitério em Slidell, Louisiana. Ele levou a sua vingança sobre os aldeões que o mataram, e agora ele está esperando por qualquer um que seja tolo o suficiente para entrar no cemitério.

Quantas vezes não tivemos contato com histórias desse tipo...pessoa "diferente" acaba sendo culpada por um crime que não cometeu, esse é assassinado por populares sedentos por justiça. O culpado acaba morto, mas antes ele amaldiçoa a cidade, ou como no caso do "Cabeça de Cebola" a sua mãe é quem amaldiçoa a cidade, e assim temos mais uma lenda. Clichê, certo? Bobagem, certo? Então, que tal uma visita ao tal cemitério?

0 Comentários
Comentários
Nenhum comentário :

Página do Facebook

Publicidade 1

Noite Sinistra no YouTube

Postagem em destaque

O misterioso perfil do Facebook de Karin Catherine Waldegrave