06/05/2015

Os slides de Roswell


Ontem foi ao ar uma postagem aqui no blog Noite Sinistra que falava de novas supostas imagens do alienígena que teria sido capturado no Novo México em 1947. Essas imagens foram apresentadas ontem em um simpósio realizado na cidade do México, por uma equipe de estudiosos.
A notícia a respeito de tal revelação gerou um certo frenesi entre os ufólogos, sendo que alguns se mostraram otimistas perante a possíveis novos indícios para o que aconteceu nos arredores de Roswell, mas a maioria dos estudiosos da área consideraram que o anúncio não passa de uma tentativa de chamar a atenção.



Abaixo os amigos e amigas poderão conferir algumas das imagens exibidas pelos pesquisadores, e que ficaram conhecidas como "Os slides de Roswell". Como a publicação das imagens foi ontem, ainda são poucas os materiais a esse respeito, portanto a medida que novas imagens possam surgir na internet (em sites confiáveis) eu estarei atualizando essa matéria.

Imagem original registrada pelo geólogo

A imagem acima teria sido registrada em 1947 por uma máquina fotográfica Kodak por um geólogo que trabalhava na exploração de petróleo na região de Roswell. Essa é a imagem, que segundo os investigadores, seria a nova evidência a respeito dos eventos de Roswell.

A imagem principal mostra uma pequena criatura humanoide, que os estudiosos afirmam se tratar de um ser extraterrestre. O achado ficou vários anos oculto, e acabou sendo descoberto por uma equipe de limpeza no sótão da casa do explorador, após a sua morte.


Na imagem acima, é apresentado no telão do simpósio a imagem do suposto alienígena de Roswell de maneira isolada e bem em evidência.



As duas imagens acima fizeram parte da apresentação ocorrida na cidade do México, e segundo os pesquisadores são esboços de como provavelmente o suposto extraterrestre teria realmente se parecido.



A verdade vem a tona

Como o amigo Mateus, dono do blog Assombrado, explicou em muito bem, e com vários detalhes em uma postagem do seu blog (clique AQUI para ler), o suposto alienígena mostrado nos slides de Roswell era na verdade a múmia de uma criança. Toda a história foi revelada, menos de uma semana após a divulgação dos slides, por um grupo de pesquisadores que conseguiu ler a placa que aparece em uma das fotos do suposto alienígena.


Tony Bragalia, apontado por alguns sites como o principal investigador dos Slides de Roswell, admite que aquilo que foi mostrado era, na verdade, a múmia de uma criança. Ele disse que o que foi apresentado como um alienígena morto, era uma criança nativa americana que viveu na cidade antiga de Mesa Verde.


Bragalia insistiu que o incidente foi um “caso sério de erro de identidade“ e não uma farsa. Mas puxa vida, será que não estava na cara ao olhar o slide que se tratava de uma peça de museu?

Veja o que ele disse:

“Eu devo apresentar minhas mais sinceras e profundas desculpas ao povo nativo americano do sudoeste dos Estados Unidos. Uma de suas crianças, uma criança morta há mais de um século, tornou-se um espetáculo. Seja lá quem você foi, merece ser respeitado.”

Por mais que a equipe por trás dos slides de Roswell tenha cometido um erro, embora a hipótese de farsa não possa ser descartada, esse caso é um daqueles que dão munição aos céticos para afirmar que os casos ufológicos e suas provas são armações ou enganos.

Os Slides de Roswell acabaram se tornando um dos maiores fiascos do mundo da ufologia. Seus divulgadores prometiam apresentar uma prova que nos faria dar passos a frente em busca da verdade sobre Roswell, mas o desfecho da história acaba por representar  um passo atrás para a ufologia como um todo.

Fontes: Band Notícias e Before Its News

Quando amanhecer, você já será um de nós...


CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA



Links Relacionados:


1 Comentários
Comentários
Um comentário:

Página do Facebook

Publicidade 1

Postagem em destaque

O misterioso perfil do Facebook de Karin Catherine Waldegrave