19/12/2014

Fotos de rituais de Vodu no Haiti


Abaixo os amigos e amigas poderão conferir uma série de imagens a respeito de rituais de vodu realizadas no Haiti. As fotos dos rituais de Vodu foram feitas nas Planícies do norte. Perto Cap Haitien. As fotos mostram cenas de uma peregrinação em homenagem ao apóstolo Saint Jacques (Santiago), que é também o PTN Ogou, o deus da guerra. Nesta região, houve a revolta de escravos que levou à independência do Haiti.

O vodu ou vudu teve origem na África, foi trazido pelos escravos e, para sobreviver, incorporou elementos da cultura dos dominadores, como o batismo católico. A religião tornou-se oficial no Haiti.


É uma religião que cultua os antepassados e entidades conhecidas como loas. Os rituais são marcados pela música, a dança e muita comida. Quem conduz o ritual é um líder homem (hougan) ou uma líder mulher (mambo). Na cerimônia, os participantes entram em transe e incorporam os loas (existem os bons e maus) e, além disso, comem animais sacrificados.


A religião já foi marginalizada pelos EUA, onde é mais conhecida como Voodoo, pois é voltada à magia negra e isso foi feito como forma de reprimir a religiosidade dos negros.


Desde 2003, no entanto, o vodu é reconhecido formalmente pelo governo como uma religião legítima no país.

O vodu Haitiano

No Haiti o Vodu é chamado de Sèvis Gine (serviço africano). Trata-se de uma religião haitiana com fortes elementos de povos africanos como os igbos, bacongos e iorubás, além de elementos tainos. Formas de vodu haitiano também existem na República Dominicana, em partes de Cuba, nos Estados Unidos e em outros lugares para onde os imigrantes do Haiti tenham se deslocado ao longo da história. Em alguns elementos, principalmente em seus componentes originários, é similar a outras religiões da diáspora africana, tais como a Lukumí, Regla de Ocha ou santería de Cuba e o candomblé e a umbanda do Brasil. A palavra “vodu” vem do vocábulo africano “Dahomey vodun“, que significa “espírito ancestral”.


Segundo a Wikipedia, o vodu no Haiti e na diáspora haitiana, é o resultado das pressões de muitas culturas e etnicidades diferentes dos povos que foram desarraigados da África e importados à ilha de Hispaniola durante o comércio africano de escravos. Sob a escravidão, a cultura e a religião africanas foram suprimidas, as linhagens foram fragmentadas e as pessoas tiveram que ocultar seu conhecimento religioso. Paradoxalmente, foi justamente essa fragmentação que permitiu a posterior unificação cultural dos escravos.


Para combinar os espíritos de muitas e diferentes nações africanas e indígenas, as partes da liturgia católica romana foram incorporadas para substituir rezas ou elementos perdidos; além disso, as imagens de santos católicos são usadas para representar os vários espíritos ou “misteh” (“mistérios”), e muitos santos mesmos são honrados no vodu haitiano em seu próprio direito. Este sincretismo permite que o vodu haitiano abranja os elementos africano, indígena e europeu de uma maneira inteira e completa. É verdadeiramente “Religião de Kreyòl“.


Ainda que a tendência geral do vodu seja relacionada a suas raízes africanas, não há nenhuma forma fixa, ocorrendo variações em cada casa ou linhagem particular. Os pequenos detalhes do serviço e dos espíritos servidos variarão da casa a casa, e a informação nos livros ou na Internet pode, consequentemente, parecer contraditória.


Não há nenhuma autoridade central no vodu haitiano, já que “cada manbo e houngan é a cabeça de sua própria casa”, como diz um provérbio popular no Haiti. Existem muitas seitas além do Sevi Gine no Haiti, tal como o Makaya, Rara e outras sociedades secretas, cada uma com seu próprio panteão distinto de espíritos.



Fontes: Mundo Gump e Brasil Escola

Quando amanhecer, você já será um de nós...

Não deixe de dar uma conferida nas redes sociais do blog Noite Sinistra...

 Siga o Noite Sinistra no Twitter   Noite Sinistra no Facebook   Comunidade Noite Sinistra no Google +   Noite Sinistra no Tumblr

CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA



Links Relacionados:

VOLTAR PARA A PÁGINA INICIAL...

7 Comentários
Comentários
7 comentários:
  1. É, vodu é considerado uma das ignições do apocalipse zumbi por alguns teóricos de conspiração.

    ResponderExcluir
  2. Grande lixo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Muito boa postagem. Estou pesquisando um pouco sobre o assunto desde que vi uma ilustração do "Baron Samedi", que me despertou muita curiosidade sobre essa mitologia. Abraço o/

    ResponderExcluir
  4. O Vodu do Haiti é puro, é a mais pura magia.

    ResponderExcluir
  5. boa tarde! estou fascinado com o vudu e gostaria de saber como faço pra conhecer mas sob esta religião aqui no Brasil rj

    ResponderExcluir

Página do Facebook

Publicidade 1

Noite Sinistra no YouTube

Postagem em destaque

O misterioso perfil do Facebook de Karin Catherine Waldegrave