15/02/2013

Cine Sinistro 4: A Colheita Maldita (1984)

Olá meus amigos atormentados, hoje falaremos de um filme baseado na obra do meu escritor favorito: Stephen King. Tive a oportunidade de ler o conto As crianças do Milharal do livro As Sombras da Noite (sim esse filme é baseado em um dos muitos contos do King), e também de ver o filme. Como o foco do Cine Sinistro é cinema, não vou entrar no velho debate de quem é melhor o livro ou o filme.

FICHA TÉCNICA
Nome Original: Children of the Corn
Ano de lançamento: 1984
Diretor: Fritz Kiersch
Elenco: Peter Horton, Linda Hamilton, R.G. Armstrong, John Franklin, Courtney Gains, Robby Kiger, Julie Maddalena, Jonas Marlowe, John Philbin.
Roteiro: Stephen King, George Goldsmith
Duração: 93 min.
País: EUA
Gênero: Terror





Sinopse:
Isaac Chroner (John Franklin), um menino pregador, vai para Gatlin, Nebraska, e consegue que as crianças assassinem todos os adultos da cidade. Um jovem casal tem de comunicar um assassinato e vai para Gatlin, a cidade mais próxima, em busca de ajuda. Porém a localidade parece abandonada e logo eles são aprisionados, com poucas chances de escaparem vivos, pois as crianças praticam um culto que utiliza sangue humano para adubar a terra.


Critica:
Um casal viaja pelo interior dos EUA e em determinado momento atropela um garoto. Burt (Peter Horton), o motorista, descobre rapidamente que o acidente não foi o responsável pela morte do garoto, pois este estava com a garganta cortada quando Burt o examina. Sua esposa, Vicky (Linda Hamilton) tenta convencê-lo a seguir viagem, mas Burt quer entender o que está por trás da violenta morte do garoto. Após ser alertado por um velho ocupante de um posto de gasolina abandonado para que não fosse para a cidade mais próxima, Gatlin, o casal tenta seguir o conselho do velho, mas acaba por encontrar a misteriosa cidade cercada por milharais por todos os lados.

Em Gatlin, anos antes, um grande grupo de crianças mata todos os adultos da cidade, seguindo as ordens de um garoto pregador, Isaac (John Franklin). Isaac prega em nome de uma sombria criatura denominada, “Aquele que caminha por trás do milharal”.

Assim que o casal adentra à cidade abandonada a fim de entender o motivo da morte do garoto degolado, percebe que terá poucas chances de sair de lá com vida.

Esse é um típico filme de baixo orçamento da década de 80, com efeitos especiais de baixa qualidade. Outra coisa que podemos ver nesse filme é a quantidade de cenas típicas para encher tripa, afinal o conto no qual é baseado o livro tem cerca de 20 páginas apenas. Eu gosto desse filme, gosto muito mesmo, mas não entendo porque é dado a ele o status de clássico, talvez pelo envolvimento do Stephen King, embora o filme perca muitos dos elementos presentes no texto do célebre escritor.

Stephen King não gostou do resultado final da obra cinematográfica, mas isso não importa muito, afinal ele também não tinha gostado do filme O Iluminado, e o mesmo foi um grande sucesso, sendo até hoje um filme muito aclamado.

Cenas:




Ficou interessado?


Quando amanhecer, você já será um de nós...
0 Comentários
Comentários
Nenhum comentário :

Página do Facebook

Publicidade 1

Postagem em destaque

O misterioso perfil do Facebook de Karin Catherine Waldegrave