13/06/2014

Parteira afirma que mulher deu a luz a lagarto


Hoje contamos com uma dica do nosso grande manolo Silvio, dono dos blogs O Mundo Real Coisas do Mundão. O Silvio, nos enviou um essa história bizarra, e curiosa, que aconteceu na Indonésia.

Uma parteira afirma ter feito o parto de uma mulher que deu luz a um lagarto na Indonésia, informou o Mirror. Segundo Josephine Lydia Hellen Wadu, o animal nasceu após 8 meses de gestação. Autoridades locais montaram uma equipe para investigar o caso.

De acordo com alguns cientistas do grupo, embora seja "absolutamente absurdo" que a mulher tenha dado luz a uma lagarta, eles precisam achar uma "explicação lógica" para o acontecimento.

O suposto nascimento ocorreu em maio, na remota vila de Oenunto, e deu origem a ameaças e acusações de bruxaria contra a grávida, Debi Nubatonis, de 31 anos, e sua família.

"Nós falamos com os vizinhos e eles confirmaram que a mulher mostrava todos os sintomas de uma gravidez e, de acordo com a parteira, ela realmente entrou em trabalho de parto. Contudo, acreditamos que tenha sido um caso de gravidez psicológica", disse o médico Messe Ataupa, da cidade de Kupang. "Se não havia bebê, pode ser que a parteira tenha chegado a uma conclusão equivocada", acrescentou.

A minha reação ao ler essa história...
A sua reação ao ler essa postagem...
A reação da parteira ao realizar o parto...
A reação da mulher que deu a luz ao lagarto

Essa postagem é um oferecimento dos blogs. 


 

Quando amanhecer, você já será um de nós...

Não deixe de dar uma conferida nas redes sociais do blog Noite Sinistra...

 Siga o Noite Sinistra no Twitter   Noite Sinistra no Facebook   Comunidade Noite Sinistra no Google +   Noite Sinistra no Tumblr

CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA




VOLTAR PARA A PÁGINA INICIAL...

15 Comentários
Comentários
15 comentários:
  1. Os gifs das reações... aushausuahsahhsua

    ResponderExcluir
  2. não duvido de nada, mas é humanamente impossível acreditar nisso. A única explicação pra isso é q esse calango entrou num buraco q não devia ou q essa parteira fumou um cigarrinho do capeta. Acho. Pode ser um truque como um caso de uma outra mulher q dava luz a coelhos.

    ResponderExcluir
  3. Ri Litros das reações muahahahahaha
    u cheguei a pensar que a parteira podia ter roubado o bebe, porem pensei melhor e acho que ela não daria uma desculpa tão estranha como a do lagarto...misterio misterioso !!!

    ResponderExcluir
  4. os gifs... hahahahahahahahahahahaha

    ResponderExcluir
  5. Ha alguns anos luz eu fiz um post de uma mulher que havia parido um potro : http://o-paranormal.blogspot.com.br/2012/10/igreja-diz-que-mulher-deu-luz-um-potro.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. silvio, cade vcs e seus blogs :(((((?

      Excluir
    2. (desculpa pela postagem aqui, nando!)

      Excluir
    3. Como o Silvio mesmo falou, outros casos existem...Tem uma história de uma criança que nasceu com cara de bode (pessoas da tribo afirmaram que a mãe teria tido relações sexuais com o bode...). Existem muitas bizarrices, e crendices nesse mundão...

      Excluir
    4. Fica sossegada Malu...pode comentar onde quiser...

      Excluir
    5. por isso gosto tanto desse blog e de você ^.^! falando nisso, tem o caso da mary toft (?), como citou o amigo acima...

      Excluir
    6. Não tenho nada sobre ela não...mas sei que ela aplicou o golpe que tinha dado a luz a um monte de coelhos...rsrsr

      Excluir
  6. nossa!!! ate a minha alma ficou arrepiada agora. eu tenho um pavor mais que absurdo de lagartixas, nem demônios me deixam no estado de pânico que eu fico ao ver esses pequenos monstros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é serio Josy?...tipo eu acho elas muito simpáticas e adoráveis...

      Excluir
    2. Pois é se quiser me deixar em panico ou me matar de ataque cardíaco é so se aproximar de mim com um bicho desses. Porem eu ja tive uma iguana de estimação ^^

      Excluir

Página do Facebook

Publicidade 1

Noite Sinistra no YouTube

Postagem em destaque

O misterioso perfil do Facebook de Karin Catherine Waldegrave