06/10/2014

Festival de Exorcismo na Índia


Malajpur é uma aldeia pequena não muito comum na Índia central. Na verdade, é provavelmente a única aldeia na Índia que realiza todos os anos um estranho festival que visa livrar as pessoas de maus espíritos. A feira é conhecida como Feira Fantasma, e durante esse evento acontecem diversos rituais de exorcismo. Abaixo os amigos e amigas poderão conferir uma galeria de imagens a respeito desse curioso festival indiano.

Quando a noite cai durante o Paush Purnima (noite de lua cheia que marca o início de um período considerado de prosperidade pelos indianos), pessoas que são tidas como possuídas são levadas para o santuário local em Malajpur, para serem exorcizadas. Os indianos acreditam que quando uma pessoa perde um ente querido, ela acaba se tornando uma vítima em potencial para espíritos, pois essa pessoa estaria debilitada pela perda do parente, sendo mais fácil de ser possuída. Nesse tipo de possessão os espíritos sugam a energia das pessoas, e trazem para elas energias ruins.


As pessoas que supostamente estão possuídas e cheias de más energias, são levadas para um complexo de templos. Lá elas são instruídas a correr em volta do pátio no sentido anti-horário. Muitas vezes as pessoas não aceitam fazer isso, daí entra o papel de algum parente próximo em apoiar a pessoa. Algumas vezes a pessoa é "apoiada" a base de chutes e pontapés, pois acredita-se que ela esteja se recusando a participar dessa "maratona" por causa da influência do espírito opressor. Segundo os sacerdotes, quando as pessoas correm no sentido anti-horário ao redor do pátio, elas acabam por fazer o fantasma enfraquecer, o que facilita a sua expulsão.


Depois da corrida a pessoa possuída é confrontada pelo sacerdote na plataforma sagrada, e caso o espírito se recuse a sair, a pessoa é colocada de novo para correr.

Durante todo o processo muitas pessoas que estão no local são libertas dos espíritos. Algumas pessoas sofrem "ataques fantasmas" que significa que eles estão bem um minuto e no seguinte eles começam a saltar, gritar, chorar ou até mesmo atacar as pessoas. O templo se torna realmente caótico pouco antes do anoitecer, quando mais e mais pessoas são 'atacados por fantasmas' que acabaram de serem expulsos dos corpos dos hospedeiros.






















Fontes: Klyker e Reuthers

Quando amanhecer, você já será um de nós...

Não deixe de dar uma conferida nas redes sociais do blog Noite Sinistra...

 Siga o Noite Sinistra no Twitter   Noite Sinistra no Facebook   Comunidade Noite Sinistra no Google +   Noite Sinistra no Tumblr

CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA



Links Relacionados:
Exorcismo e orações em Latim.
VOLTAR PARA A PÁGINA INICIAL...

5 Comentários
Comentários
5 comentários:
  1. a diferença entre lá e aqui é que aqui ainda rola um funk

    ResponderExcluir
  2. Preciso ir lá dar uma corrida. Pq depois que perdi minha mãe me considero uma pessoa amaldiçoada por Deus.

    Aqui há algo no mesmo estilo, mas vc não corre, vc fica dando dinheiro. Desembolsa, desembolsa que uma hora o exorcismo acontece. Se não for hoje, pode ser amanhã. O importante e não parar de dar o dinheiro.

    ResponderExcluir
  3. Que perigo, são apenas pessoas abrindo a mediunidade sem estudo algum ou cuidado, estão chamando qualquer coisa para entrar.

    ResponderExcluir
  4. Nunca gostei das religiões práticadas na Índia, nem do islâmíamos, nem do catolicismo, muito menos do que é praticado na universal, para mim a algo de estranho nestas religiões,

    ResponderExcluir

Página do Facebook

Publicidade 1

Postagem em destaque

O misterioso perfil do Facebook de Karin Catherine Waldegrave