12/11/2014

Rocha em Marte parecida com estátua egípcia


Mais uma vez imagens liberadas pela NASA, oriundas da missão da sonda Curiosity em Marte, estão causando polêmica. Dessa vez a discussão gira em torno de uma rocha fotografada na superfície do planeta vermelho, que segundo alguns entusiastas possui o perfil que lembra a fisionomia retratada em estátuas egípcias.

Aqui no blog Noite Sinistra já falamos das teorias que afirmam que Marte já foi habitado no passado, e que lá podem ser encontrados diversos elementos muito parecidos com os encontrados na Terra, como algumas construções egípcias, por exemplo (clique AQUI para recordar essas teorias).

Na minha opinião o perfil dessa rocha marciana não tem nada haver com as estátuas egípcia, ela lembra vagamente a silhueta de uma pessoa, porém como existem diversas teorias a esse respeito, acabei achando interessante compartilhar essa matérias com os amigos e amigas.

Leia mais: Suposta cabeça de estátua em foto da Mars Rover


O texto fonte dessa postagem (ver ao final da matéria), chega a afirmar que a tal rocha marciana está relacionada com Hatshepsut, uma importante rainha egípcia.

Quem foi Hatshepsut

Hatshepsut, também chamada de Hatchepsut, foi uma grande esposa real, regente e faraó do Antigo Egito. Viveu no começo do século XV a.C, pertencendo à XVIII Dinastia do Império Novo. O seu reinado, de cerca de vinte e dois anos, corresponde a uma era de prosperidade económica e relativo clima de paz.

Hatshepsut nasceu em Tebas. Era a filha mais velha do rei Tutmés I (Tutmósis I) e da rainha Amósis.

Leia Mais: Disco dourado em Marte


Quando o seu pai morreu Hatshepsut teria cerca de quatorze anos (para alguns egiptólogos teria dezenove anos). Casou com seu meio-irmão, Tutmés II, seguindo um costume que existia no Antigo Egito que consistia em membros da família real casarem entre si. Após a morte de Tutmés II, cujo reinado é pouco conhecido, o enteado de Hatshepsut, Tutmés III, era ainda uma criança que não estava apta a governar. Por esta razão Hatchepsut, na qualidade de grande esposa real do rei Tutmés II, assumiu o poder como regente na menoridade de Tutmés III. Mais tarde, Hatchepsut decidiu assumir a dignidade de faraó e governar em seu direito. No Egito era muito raro ter uma faraó mulher.



Quando amanhecer, você já será um de nós...

Não deixe de dar uma conferida nas redes sociais do blog Noite Sinistra...

 Siga o Noite Sinistra no Twitter   Noite Sinistra no Facebook   Comunidade Noite Sinistra no Google +   Noite Sinistra no Tumblr

CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA




VOLTAR PARA A PÁGINA INICIAL...

3 Comentários
Comentários
3 comentários:
  1. Só coincidência... é besteira isso. Esses caras ficam vendo egípcios até na mãe deles !

    ResponderExcluir
  2. é como tentar ver formas nas nuvens, um pouco de imaginação, alguns traços e podemos ver qualquer coisa. Mas onde é que esses caras conseguem ver essa estátua, até as formas são diferentes. Nem chapada eu conseguiria ver isso.

    ResponderExcluir
  3. O pessoal das Teorias da Conspiração estão exagerando no LSD.

    ResponderExcluir

Página do Facebook

Publicidade 1

Postagem em destaque

O misterioso perfil do Facebook de Karin Catherine Waldegrave