05/03/2015

Analise de DNA revela que crânios alongados de Paracas não são humanos


Desde sua descoberta por Julio Tello, em 1928, os crânios bizarros de Paracas têm maravilhado e igualmente aterrorizado as pessoas. Descobertos numa tumba no sul do Peru, e estimados serem de 3.000 anos atrás, os crânios são alongados, dando-os a aparência de não humanos.

De fato, algumas pessoas têm alegado que eles poderiam ser crânios de uma antiga civilização alienígena, que aparentemente visitou a América do Sul, o mesmo sendo alegado a respeito das Linhas de Nazca e das pirâmides com degraus. Agora, um especialista nestes crânios, Brien Foerster, alega ter prova científica para estas alegações.

A explicação tradicional dita que os crânios foram criados através de um processo de ‘amarração’ – no qual uma corda e madeiras foram utilizadas para mudar o formato do crânio de bebês recém nascidos. Isto não é uma exclusividade da região de Paracas e foi praticado por tribos indígenas em todo o continente sul americano. Mais de 300 crânios alongados, de diferentes formatos e tamanhos, foram descobertos por Tello, sugerindo que o processo possa ter sido amplamente utilizado para ilustrar um alto status. Os crânios de Paracas são particularmente estranhos, porém, devido ao fato de serem 60% mais pesados do que os crânios normais.

Leia Mais: Crânios alongados ao redor do mundo


Foerster, que é diretor do Museu de História de Paracas, alega que o DNA dos crânios é caracterizado como não sendo humano. Sem informar os laboratórios da origem, ele enviou cinco amostras de DNA mitocondrial dos crânios para geneticistas que retornaram com alguns resultados um tanto chocantes:


“Ele tinha mtDNA (DNA mitocondrial) com mutações desconhecidas em qualquer humano, primata, ou animal conhecido até hoje. Mas em alguns poucos fragmentos desta amostra, fui capaz de sequenciá-los e indicam que, se estas mutações forem reais, estamos lidando com uma nova criatura similar aos humanos, muito distante do Homo sapiens, Neandertal e Denisovano.”

Um genetecista foi até mais longe, alegando que os crânios de Paracas são tão diferentes dos humanos, que eles não teriam possibilidade de cruzar conosco: “Não tenho certeza se isso iria encaixar na árvore evolucionária conhecida.“

Isto levou a algumas pessoas concluírem que os crânios devem pertencer a alienígenas que visitaram a Terra há muito tempo, talvez os mesmos alienígenas que nos deram a tecnologia para a construção das pirâmides e/ou Atlântida.

Uma teoria que prevalece, rotulada de ‘Hipótese dos Astronautas da Antiguidade’, sugere que seres extraterrestres visitaram a Terra e grandemente mudaram o nosso destino. Alguns até mesmo sugerem que as divindades da antiguidade e deuses poderiam ter sido, na verdade, alienígenas superiores tecnologicamente, cujas habilidades e maquinários foram confundidos por poderes divinos.

Esta teoria não é única à América do Sul, mas também se estende praticamente por todos os cantos da Terra. Por exemplo, abaixo está uma pintura, aparentemente mostrando o retorno de Rama à Terra em “carros voadores”.

Seriam eles realmente crânios alienígenas?

Você provavelmente está pensando, por que eu estou lendo esta notícia impactante aqui, e não, digamos, na BBC ou na CNN?

Bem, nenhuma organização jornalística corporativa reportou estas descobertas, o que deveria disparar alarmes por todos os cantos.


Deste ponto em diante em seu artigo, Mark Newton (clique AQUI para ler) escreve que provavelmente não há nada de extraterrestre a respeito dos crânios, pois a notícia sobre os crânios não foi publicada por instituições acadêmicas além do Museu de História de Paracas, e nem mesmo foi revisada por outro jornal científico.

Em segundo lugar, ele menciona que não conhece nenhum dos genetecistas que conduziu o trabalho, pois, de acordo com Foerster, eles preferem permanecer no anonimato, pois teriam medo de sofrerem descriminação de grupos conservadores. Mark Newton levanta dois nomes como possíveis genetecistas envolvidos na análise de DNA (Lloyd Pye, do Projeto Starchild, e também Dr. Melba Ketchum, que seria uma pessoa envolvida com análise de DNA do legendário ‘Big Foot’). Contudo, Lloyd Pye não é, e nunca alegou ser um genetecista. E ainda a menção desses nomes foi só especulação por parte do site DoutbulNews.com (notícias duvidosas).

Como terceiro argumento, o autor coloca que o Museu de História de Paracas é uma instituição particular, cujos diretores também são membros de um grupo de turismo paranormal, o Hidden Inca Tours.

Ao final do artigo Mark Newton escreve:

Não me leve a mal; talvez os resultados [do exame de DNA] realmente retornaram como não sendo humanos, mas sem conhecer quem conduziu a pesquisa e sem seus resultados sendo examinados por outros membros da comunidade científica, estas descobertas nunca terão credibilidade. Na verdade, uma explicação para resultados não humanos poderia ser meramente devido ao fato da pesquisa não ter sido conduzida apropriadamente, ou porque as amostras de DNA degradaram além das capacidades dos testes dos geneticistas anônimos.


Assim, esta informação será repassada para a comunidade científica geral? Bem, Foerster é dúbio neste quesito, declarando no Facebook:

“A revisão por outros cientistas irá, é claro, ser considerada, mas esta informação pertence AO MUNDO, e não a alguns poucos acadêmicos…“

E você, o que acha desses crânios misteriosos, especialmente considerando que alguns deles possuem um peso totalmente anormal, sendo 60% mais pesados do que crânios humanos?

Será que a verdade está sendo acobertada sobre estes crânios, ou estaria o autor do artigo acima e a maioria da comunidade científica certa sobre o fato destes crânios serem humanos, mas que foram deformados por métodos mecânicos?

O impressionante é que sempre há um fato impeditivo para a revelação da verdade, com um lado sempre culpando o outro.

Fonte: OVNI Hoje

Quando amanhecer, você já será um de nós...

Não deixe de dar uma conferida nas redes sociais do blog Noite Sinistra...

 Siga o Noite Sinistra no Twitter   Noite Sinistra no Facebook   Comunidade Noite Sinistra no Google +   Noite Sinistra no Tumblr

CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA




VOLTAR PARA A PÁGINA INICIAL...

0 Comentários
Comentários
Nenhum comentário :

Página do Facebook

Publicidade 1

Noite Sinistra no YouTube

Postagem em destaque

O misterioso perfil do Facebook de Karin Catherine Waldegrave