01/07/2015

Crime Bárbaro: assassinato choca interior gaúcho

No dia 31 de maio de 2015 um crime choca a população da Serra Gaúcha. Izabel Sivieiro, 57 anos, é encontrada morta com um corte na garganta. A vítima foi encontrada dentro de seu próprio carro em uma estrada de chão que liga as cidades de Cotiporã e Bento Gonçalves.  Izabel era psicóloga, deixou marido e um filho adolescente. Morava em Veranópolis, também na serra gaúcha e pertencia a uma família tradicional na região.


Segundo o marido de Izabel, ela havia saído de casa por volta às 18h e 30min para visitar uma amiga e não voltou mais. Seu corpo foi encontrado no dia seguinte, com a ajuda das câmeras de monitoramento que existem em Cotiporã.

Em Veranópolis, imagens de câmeras de segurança captaram o Crossfox deixando a residência de Izabel.  Imagens da câmera de segurança de uma lancheria nas proximidades da casa da amiga que Izabel visitaria não conseguiram ser recuperadas do equipamento pelo estabelecimento. Portanto, não se sabe se a psicóloga chegou a passar pela rua da residência da amiga.

Em depoimento, o marido de Izabel, Álvaro Dal Ponte, afirmou que na sexta-feira a mulher tinha uma grande quantia em dinheiro para pagar funcionários e estabelecimentos comerciais. O dinheiro não foi encontrado no veículo e a polícia constatou que os pagamentos não foram feitos.

Izabel Siviero


— Ela não usava cheque nem cartão, os familiares dizem que era normal ela estar com dinheiro — explica do delegado.



Dentro do carro, foram encontrados a bolsa com os documentos e R$ 500 na lateral de uma das portas. Por estar misturado a papeis, o dinheiro pode não ter sido visto pelos criminosos. Ao lado do carro havia uma rosa branca, e dentro do veículo, algumas pétalas. Não há indícios que a flor tenha relação com o crime. Antes de desaparecer, a mulher ligou três vezes  - às 18h50min de sábado - para o marido. Ele não atendeu alegando que estava tomando banho.

Izabel trabalhava no Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) de Veranópolis e na Apae de Nova Bassano e, segundo seus familiares, era uma pessoa atenciosa e que não tinha inimigos.

A motivação do crime ainda é investigada pela polícia de Bento Gonçalves. Os responsáveis pelo homicídio ainda não foram identificados, mas existem 2 suspeitos pelo crime. Inicialmente, foi cogitado a possibilidade de sequestro, mas essa possibilidade foi logo descartada e a polícia adotou o homicídio. As investigações continuam...


Fonte: Pioneiro e Zero Hora



Me chamo Bruna, sou Gaúcha de Porto Alegre, 29 anos de idade. Dona dos blogs Cova do Inferno e Bariátrica em FocoCova do Inferno surgiu pela minha paixão pelo lado sombrio da humanidade. Aquele lado que algumas pessoas tem e outras tantas ignoram. Sou apaixonada por seriados policiais e meus favoritos são Bones, Criminal Minds, NCIS e Law and Order:SVU. Adoro uma teoria da conspiração e acredito que há algo grande nesse mundo que é governado por uma minoria que fez um pacto. Já o Bariátrica em Foco surgiu depois de uma cirurgia e de um seriado chamado Drop Dead Diva que fala sobre a aceitação das mudanças. E eles dois são meus amores, meus filhos. E agora também sou colaboradora do Noite Sinistra que é um dos meus blogs favoritos."


Quando amanhecer, você já será um de nós...


CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA



Links Relacionados:

4 Comentários
Comentários
4 comentários:
  1. Não entendi o post. Juro que tentei mas não entendi o que ele está fazendo aqui no blog.
    Isso eu vejo no G1 e não precisaria vir aqui para saber de mais um latrocínio.

    '-'

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho que não tem nada a ver com o conteúdo que sempre encontrei aqui. Aliás, esse é um dos motivos que me fazem visitar sempre.

      Se for pra virar "isso é bizarro", to fora!

      Excluir
    2. Concordo também, aqui em Ponte Nova, um casal matou uma mulher grávida e tirou o bebê com uma lâmina de barbear essa semana. Muito mais chocante, mas não é a primeira vez que se tem notícia disso. Não consegui ver no post o mistério ou algo inovador que pudesse ser tão relevante para o blog. A violência infelizmente é banal, mas não acho que seja assunto para o blog.

      Excluir
    3. Completando o último comentário, agora percebi que quem escreveu o post é da região da notícia, pelo menos do mesmo estado é, talvez por isso você tenha achado que isso seria chocante o suficiente para o blog. Se esse foi seu primeiro post, sinceramente eu nem olho quem escreve os posts do blog, dê uma lida nos posts anteriores para sentir a linha do blog. Minha nota pro post é "que morte horrível".

      Excluir

Página do Facebook

Publicidade 1

Postagem em destaque

O misterioso perfil do Facebook de Karin Catherine Waldegrave